Publicado em:terça-feira, 20 de novembro de 2018
Postado por Josimar Nunes

Ondas de até 2,5 metros podem atingir orla de Fortaleza

O fenômeno marítimo reconhecido como swell de norte chegou à Fortaleza nesta segunda-feira (19) e deve influenciar a costa cearense até 00h da quinta (22). Segundo a Capitania dos Portos, poderão ser observadas ondas de até dois metros e meio de altura, nesta terça-feira (20), por volta das 12h, em seu ponto mais alto.
Medidas preventivas já estão sendo tomadas. Por conta do alerta, a administração do Iate Clube de Fortaleza, no Cais do Porto, afastou o píer flutuante que fica ancorado na ponte fixa do clube, que agora está a 200 metros da margem. O vice-comodoro do Iate Clube, Daniel Azevedo, explica a necessidade da ação, afirmando que "essa ondulação é muito forte e em outras ocasiões chegou a danificar, empenar e derrubar a ponte". "Então, para evitar esses danos, a gente tem o costume de, quando tem qualquer alerta de ressaca, afastar essa ponte", conclui.
A recomendação é de que embarcações de pequeno porte, como motos aquáticas e lanchas, evitem o mar. O chefe do departamento administrativo da Capitania dos Portos, Capitão Francisco do Horizonte, lista algumas orientações para profissionais do mar e embarcações maiores, como a posse de coletes e boias salva-vidas para toda a tripulação e passageiros, a verificação de equipamentos de segurança, da bomba de esgoto e de "todos os itens que venham, por ventura, influenciar na segurança dessa embarcação".
O que é um swell?
Visto como uma oportunidade por surfistas e praticantes de esportes radicais, o swell pode ser confundido com a ressaca do mar. Um aspecto da diferenciação está na formação do fenômeno. Segundo o capitão dos portos do Ceará, Madson Cardoso Santana, o swell tem origem no alto-mar. "O swell é originado de ventos mais fortes que se formam no meio do oceano. Ele vai carregando toda aquela energia, transferindo para a superfície do mar, e vai criando ondulações que chegam até o continente", explica. "Quando a gente fala em ressaca, já é um fenômeno junto à praia. É aquela rebentação da onda mais junto da praia, e o swell não", afirma.
Mesmo diferenciado da ressaca do mar que atingiu a orla da capital, no início do ano, o swell "vai proporcionar ondas de até dois metros e meio. Não quer dizer que vai chegar até essa altura, mas alguns pontos da costa do Nordeste podem ter essas ondas", assegura Madson Cardoso.
Ressada do mar
Em março deste ano, a ressaca causou diversos estragos na orla de Fortaleza. Partes do calcação, como nas alturas do Estoril, do letreiro de Fortaleza e da Estátua Iracema Guardiã, foram afetadas, ficando encobertas pela areia. 
A força das ondas, que ultrapassaram três metros e meio de altura, também causou transtornos aos motoristas. Na Avenida Beira Mar, por exemplo, a água tomou conta da via. Em outro ponto, um carro estacionado na Igreja de Santa Edwiges, como registrado pelo Sistema Verdes Mares, chegou a ser arrastado por uma onda. 

Diário do Nordeste

Postado por Josimar Nunes on 12:44. Tópicos .

0 comentários for "Ondas de até 2,5 metros podem atingir orla de Fortaleza"

ESPAÇO FEMININO

Total de Acessos

TUPPERWARE

TUPPERWARE

Mural de recados

Mais acessadas

LEIA A BÍBLIA