Publicado em:terça-feira, 9 de outubro de 2018
Postado por Josimar Nunes

Ceará registra foco de peste suína clássica

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) informou, em nota, que foi confirmado um foco de peste suína clássica no município de Forquilha, no Ceará, no último dia 6 de outubro. O fato foi identificado em propriedade de criação familiar de subsistência sem vínculos com estabelecimentos comerciais ou de reprodução de suínos. O foco está a mais de 500 km distante da divisa com a zona livre de peste suína clássica do Brasil, reconhecida pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE). "A ocorrência não altera o reconhecimento internacional concedido a essa região, não justificando impactos no comércio de suínos e seus derivados", informou, em nota, o Ministério.
De acordo com o Ministério, 112 porcos já morreram com a doença. Outros três animais foram sacrificados e mais 15 porcos serão abatidos nos próximos dias. O procedimento é uma ação conjunta da Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Ceará (Adagri) e do Mapa. Segundo informações, mais duas fazendas da região estão com suspeitas de foco da peste suína.
O diagnóstico foi confirmado pelo Laboratório Nacional Agropecuário do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, por meio de técnicas moleculares, realizado em amostras de um suíno que apresentava sinais clínicos da doença. "Estão sendo adotados os procedimentos para eliminação do foco, com sacrifício e destruição dos suínos, e investigação epidemiológica para as propriedades situadas no raio de 10 km em torno do foco e todas as propriedades que possuírem algum vínculo epidemiológico", destacou o Ministério.
Ainda de acordo com o Ministério, a zona livre de peste suína do País concentra mais de 95% de toda a indústria suinícola brasileira. Cem por cento de toda a exportação de suínos e seus produtos são oriundos dessa zona, integrada por 16 estados brasileiros e o Distrito Federal (RS, SC, PR, MG, SP, MS, MT, GO, DF, RJ, ES, BA, SE, TO, PA, RO e AC). Nessa zona, a última ocorrência detectada de PSC foi em janeiro de 1998. O Ceará não integra a zona livre de PSC.
A peste suína clássica também conhecida como cólera suína, é uma doença viral contagiosa que afeta somente suínos domésticos e selvagens. Não oferece riscos à saúde humana e nem afeta outras espécies animais.

Diário do Nordeste

Postado por Josimar Nunes on 23:25. Tópicos .

0 comentários for "Ceará registra foco de peste suína clássica"

ESPAÇO FEMININO

Total de Acessos

CONSULTORIA TUPPERWARE

CONSULTORIA TUPPERWARE

Mural de recados

Mais acessadas

LEIA A BÍBLIA