Publicado em:sábado, 5 de maio de 2018
Postado por Josimar Nunes

Irauçuba: Polícia prende mulher após esta divulgar blitz em rede social

Na última quinta-feira, dia 03, a Polícia Civil prendeu em flagrante na cidade de Irauçuba, uma mulher acusada de infringir o Artigo 265 do Código Penal Brasileiro (CPB): “Atentar contra a segurança ou o funcionamento de serviço de utilidade pública”. Ela publicou em seu perfil no Facebook alerta para os demais usuários da rede social sobre uma blitz da Polícia Rodoviária Federal que estava em andamento naquela cidade. Tão logo constatou a publicação, o delegado André Firmino comandou diligência no sentido de prender a acusada.

De acordo com Dr. Firmino, a mulher foi encontrada após buscas em alguns lugares diferentes. Logo após a captura a Polícia Civil a encaminhou até a Delegacia Regional de Itapipoca. Até a manhã desta sexta-feira, (04) a acusada continuava presa aguardando pronunciamento da Justiça. De acordo com André Firmino, em casos de crimes dessa natureza cabe tão somente ao Poder Judiciário arbitrar fiança. A pena prevista no CPB para este tipo de conduta é de reclusão que varia de um a cinco anos e eventual pagamento de multa. O delegado explicou o porquê do rigor da ação policial e da pena prevista.

Segundo ele, a comunicação de operações policiais em andamento contribui para que traficantes, assassinos e outros tipos de criminosos fujam do bloqueio policial, ou ainda planejem suas ações em função dos avisos publicados via rede social ou aplicativo de mensagem. Outras pessoas estão sendo investigadas pelo mesmo tipo de conduta. Quando a autoridade policial não consegue efetuar a prisão em flagrante, os acusados são ouvidos na Delegacia e em seguida indiciados pelo crime. 

Fonte: Mardem Lopes

Postado por Josimar Nunes on 09:36. Tópicos .

0 comentários for "Irauçuba: Polícia prende mulher após esta divulgar blitz em rede social"

ESPAÇO FEMININO

Total de Acessos

CONSULTORIA TUPPERWARE

CONSULTORIA TUPPERWARE

Mural de recados

Mais acessadas

LEIA A BÍBLIA