Publicado em:terça-feira, 13 de fevereiro de 2018
Postado por Josimar Nunes

Incêndio de grandes proporções nos Correios destrói 90% de central

Um incêndio de grandes proporções está acontecendo neste momento no Centro de Triagem de Cartas e Encomendas (CTCE Fortaleza) dos Correios na Oliveira Paiva. Cerca de 4 viaturas dos Bombeiros estão no local. Não houve feridos.
Segundo o assessor de imprensa dos Correios no Ceará, o incêndio aconteceu em um galpão de triagem de objetos postais (cartas e encomendas como Sedex e PAC). Ainda de acordo com o assessor, no local havia apenas o vigilante que acionou os Bombeiros. Este funcionário informou que o incêndio começou entre 15h30 e 16h. Segundo informações dos Bombeiros, 90% do galpão foi atingido pelas chamas. Os carros e caminhões dos Correios que estavam no depósito foram tirados antes que o fogo também chegasse lá.
A Autarquia Municipal de Trânsito e Cidadania (AMC) foi ao local e interditou a Avenida Oliveira Paiva nos dois sentidos. O desvio estava sendo pela Rua Lídia Brígido e também pela Avenida Washington Soares. Viaturas da Guarda Municipal deram apoio a operação.
Comandante fala
No início da noite, o coronel Heraldo Maia Pacheco, comandante geral dos Bombeiros, falou com a imprensa na entrada dos Correios. Segundo ele, o fogo está controlado, mas os trabalhos seguem. Boa parte do teto desabou. O galpão de triagem das cartas e encomendas teve 90% da área destruída. O bombeiro afirmou que no galpão haviam muitas cartas e alguns produtos eletrônicos. "Usamos 40 bombeiros na operação. Foram 10 viaturas, sendo 7 de combate ao incêndio", finalizou o militar. 
Nota Correios
Os Correios esclarecem que o incêndio no Centro de Triagem de Cartas e Encomendas (CTCE Fortaleza) foi identificado por volta das 15h50 desta terça-feira (13) pelo vigilante da empresa que estava de plantão na guarita externa do local; ele não se feriu e acionou o Corpos de Bombeiros. Não havia outros empregados da empresa trabalhando no momento. 
As causas do acidente serão determinadas pelas investigações das autoridades competentes. 
O CTCE faz a triagem das cartas e encomendas que são entregues pelas unidades de distribuição da empresa no Estado; também encaminha os objetos  postados no Ceará com destino a outras regiões. O Galpão ocupa uma área de cerca de 10 mil metros quadrados.
A empresa esclarece ainda que irá realizar o levantamento da carga postal destruída e, para efetuar as devidas indenizações, faz-se necessário aguardar os resultados das perícias técnicas que serão realizadas pelas autoridades.
Diário do Nordeste

Postado por Josimar Nunes on 21:49. Tópicos , .

0 comentários for "Incêndio de grandes proporções nos Correios destrói 90% de central"

ESPAÇO FEMININO

Total de Acessos

TUPPERWARE

TUPPERWARE

Mural de recados

Mais acessadas

LEIA A BÍBLIA