Publicado em:segunda-feira, 23 de outubro de 2017
Postado por Josimar Nunes

Ceará precisa de nove pontos para conquistar acesso

Pio fez gol salvador, que garantiu ponto precioso para o Vovô e o colocou em condição de somar mais 9 pontos para conquistar o acesso. Em 2009, Sérgio Alves também passou pela mesma experiência ( Foto: JL Rosa e Kiko Silva (03/11/2009) )
Ao fim da 31ª rodada do Brasileiro de 2009, o Ceará perdia por 1 a 0 para a Portuguesa, fora de casa, mas tinha uma missão clara à sua frente e não tinha por que desanimar: precisava conquistar 9 pontos em 21 a serem disputados (7 jogos) para alcançar o sonhado acesso. E ele veio, com um desempenho até acima do que necessitava. Foram 68 pontos ao fim da 38ª rodada, quando com 65 já conquistaria a vaga.
Passados 8 anos daquela reta final da Segundona, o Vovô se vê novamente sobre o mesmo panorama. Após empate dramático contra o Figueirense, na sexta, e empate de concorrentes diretos, como Vila Nova, Oeste, América/MG e Paraná, a projeção de pontuações com altíssima probabilidade de acesso (mais de 92% de chance) caiu de 65 para 64 pontos, colocando o Alvinegro, segundo as contas do Departamento de Matemática da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), a 9 pontos do mesmo final feliz de 2009.
A sequência de paralelos entre a ascensão à Série A de 8 anos atrás não fica apenas na pontuação. O gol de Magno Alves contra o Vila Nova foi associado pela torcida alvinegra, nas redes sociais, ao gol de Sérgio Alves contra o Brasiliense, ambos na reta final da competição. Na sexta-feira, foi a vez de mais um evento relembrar o que também aconteceu naquele fatídico ano. Na mesma altura da competição, embora algumas rodadas à frente, o Vovô perdia por 2 a 1 para o Guarani, em um Castelão cheio. Foi quando João Marcos acertou um chute de fora da área no apagar das luzes e conseguiu trazer um empate com sabor de vitória para o Alvinegro.
Sem oba-oba
Apesar do momento positivo, qualquer perspectiva antecipada é rechaçada tanto pelos jogadores como pelos membros da comissão técnica do Ceará.
A lição do jogo difícil contra o Figueirense, para o técnico Marcelo Chamusca, é o que deve ser levado para as rodadas seguintes. "Queríamos conquistar 9 pontos dos 9 que iríamos disputar e acabamos conquistando 7, mas não podemos desvalorizar o trabalho que a equipe vem fazendo nos últimos jogos e usar como lição, nos próximos jogos que a gente vai ter dentro de casa, que vão sempre ter adversários nessa mesma condição que veio o Figueirense. E a gente vai ter que se sobrepor", pontuou.
Na avaliação de Magno Alves, jogador mais experiente do Ceará e que já passou por situações de reta final de Série B com possibilidade de acesso em anos anteriores, o momento é de aproveitar a semana cheia que o time terá pela frente e pensar jogo a jogo para atingir o objetivo.
"Vai ser uma semana boa de trabalho pelo tempo que teremos e a responsabilidade vai ser grande como sempre. E eu creio que cresça o brilho de cada jogador sabendo que vai enfrentar o líder do campeonato, na sequência o Juventude, mas vamos jogo por jogo", analisou.
*Diário do Nordeste

Postado por Josimar Nunes on 12:14. Tópicos .

0 comentários for "Ceará precisa de nove pontos para conquistar acesso"

ESPAÇO FEMININO

Total de Acessos

Mural de recados

ANUNCIE CONOSCO

ANUNCIE CONOSCO
Farmácia Leve Mais

Mais acessadas

LEIA A BÍBLIA